A oferta de nutrientes em quantidades adequadas pela alimentação é a chave do sucesso para manutenção da saúde e qualidade de vida, prevenção e até mesmo auxílio no tratamento de diversas doenças crônicas. Com o decorrer dos anos, a articulação é um dos locais mais afetados, o que, na maioria das vezes, impacta negativamente nas atividades de vida diária das pessoas. A artrite reumatoide (AR) é uma doença autoimune inflamatória sistêmica, caracterizada pelo comprometimento da membrana sinovial das articulações periféricas. Sua prevalência é estimada em 0,5% a 1% da população, com predomínio em mulheres e maior incidência na faixa etária dos 30 aos 50 anos. De acordo com uma pesquisa de opinião, os indivíduos com AR ressaltam que os sinais clínicos são fortemente aliviados por padrões alimentares específicos, eliminando determinadas opções da dieta que aumentam a inflamação no organismo. Os alimentos ricos em compostos polifenólicos e antioxidantes devem ser aliados…

Faça o login para ver o restante deste conteúdo!

Ou cadastre-se para ter acesso a este conteúdo e a notícias científicas direcionadas ao profissional da saúde com os temas mais relevantes, informações sobre nutrição magistral e novas ferramentas para a prática clínica. É grátis!

Já sou Cadastrado Quero me cadastrar